Home Campinas e RMC Campinas Manuscritos apreendidos na casa do atirador de Campinas remetem a duas tragédias

Manuscritos apreendidos na casa do atirador de Campinas remetem a duas tragédias

2 min read
Comentários desativados em Manuscritos apreendidos na casa do atirador de Campinas remetem a duas tragédias
0
12

Manuscritos apreendidos pela Polícia Civil na casa de Euler Fernando Grandolpho, em Valinhos, fazem referências a duas tragédias em que atiradores acabaram provocando mortes em série. Num dos textos ele faz referência à chacina de Cajazeiras, no Ceará, que aconteceu em janeiro deste ano, quando 14 pessoas foram mortas por criminosos.

“18, Passei com o meu cão em frente a uma construção ao lado de uma casa Q. Os moradores têm uma veterinária e uma delas gritou com ‘as paredes’: ‘e aí Ceará’, sobre o massacre ocorrido dias atrás”.

Em outro trecho, ele supostamente fala sobre o Massacre de Realengo, em 2011, no Rio, quando 12 adolescentes foram mortos. “Ok. Hj, 31/01/18 passei por lá e falei alto com o celular desligado na orelha E AÍ REALENGO”, escreveu.

Para a polícia esses dois trechos não indicam que ele tenha prenunciado o ataque à catedral. “São frases desconexas”, disse o delegado Fernando Henrique Ventura.

“É preciso ter muita imaginação, para concluir que isso tem a ver como uma espécie de anúncio das mortes”, afirmou o delegado Hamilton Caviola, que vai conduzir as informações.  

Load More Related Articles
Load More By redação
Load More In Campinas
Comments are closed.

Check Also

Juliana Paes explica saída da Grande Rio após dois carnavais: ‘Nova novela’

Juliana Paes confirmou que não será rainha de bateria da Grande Rio no carnaval 2020 após …