Prefeitura notifica mais 114 imóveis por descarte irregular, em mutirão ambiental

Prefeitura notifica mais 114 imóveis por descarte irregular, em mutirão ambiental

Ação “De Olho na Agenda Verde” reuniu servidores de oito secretarias municipais para vistoriar mais quatro bairros, no sábado (02/09)

 

Sábado (02/09) foi dia de mais um mutirão ambiental. A ação “De Olho na Agenda Verde” reuniu 14 servidores de oito secretarias municipais, que saíram às ruas para fiscalizar imóveis no Jd. Santa Clara do Lago 1 e 2, Jd. Interlagos e Jd. Mirante. O objetivo é verificar como estão os locais por onde o Mutirão de Limpeza e Zeladoria da Prefeitura já passou. Ao final da jornada, realizaram 114 notificações por descarte irregular de resíduos, principalmente entulhos, e acúmulo de material de construção sobre a calçada, impedindo ou dificultando a circulação de pessoas. 

Os imóveis com alguma irregularidade foram notificados por escrito pelos agentes municipais e têm até o dia 11 deste mês setembro para regularizar a situação. O descarte ilegal de resíduos é crime ambiental e pode resultar em multas que variam de R$ 160,43 até R$ 32.068, 00. Qualquer pessoa pode denunciar casos de descarte irregular. Basta enviar mensagem de texto, foto ou vídeo por meio do aplicativo Whatsapp (19) 99976-1840, para a equipe de Fiscalização Ambiental.

Educação ambiental

A ação de alerta e fiscalização integra Agenda Verde, iniciativa que leva ações de remoção de entulhos e outros resíduos, limpeza de bueiros, combate ao mosquito Aedes aegypti e sinalização de vias, dentre outras, a diversos bairros de Hortolândia, atendidos por região. Realizado desde março deste ano, o Mutirão de Limpeza e Zeladoria entra na reta final. A quinta e última etapa acontece na região do Jd. Nova Europa, em fase de “pente-fino”. Ao término desta, a Prefeitura terá beneficiado 99 bairros.

Na penúltima etapa, a Administração já havia recolhido mais de 9 mil toneladas de lixo, entulho e materiais sem serventia para a população, em 77 bairros. A Operação Cata-Bagulho atendeu aproximadamente 56 mil residências nas regiões do Jd. Rosolen, Jd. Amanda, Jd. Nova Hortolândia e Central.

A vistoria do último sábado reuniu representantes das secretarias de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Obras e Serviços Urbanos; Governo (Departamento de Direitos Humanos); Assuntos Jurídicos; Mobilidade Urbana; Educação, Ciência e Tecnologia, Saúde; Cultura, Esportes e Lazer. As atividades de fiscalização acontecem desde abril e são intensificadas aos sábados. Segundo a Secretaria de Meio Ambiente, o objetivo é conscientizar a população. É que, concluído o prazo da notificação, mesmo quando o proprietário do imóvel recebe a multa pelos Correios, é possível reverter a penalidade, recorrendo. Em todos os casos, no entanto, é preciso comprovar a efetiva remoção dos resíduos: seja comparecendo à Prefeitura, seja entrando em contato pelo WhatsApp Ambiental, em ambos os casos apresentando fotos que comprovem a regularização do caso.

Durante a ação, os agendes, além de notificar, distribuem panfletos a fim de orientar e estimular os munícipes à aderir à proposta de contribuir com uma cidade mais limpa, cuidada e saudável. O impresso informa que a cidade dispõe de locais apropriados para descarte de entulhos e recicláveis, como os PEVs (Pontos de Entrega Voluntária de Entulhos e outros materiais recicláveis) e os LEVs (Locais de Entrega Voluntária de Recicláveis). No folder, o principal lembrete é “A Prefeitura fez a parte dela. Agora, chegou a sua vez”.

Veja o que você pode fazer para deixar Hortolândia mais limpa e saudável:

  • Não armazene material de construção na calçada, mantendo-a limpa;
  • Não acumule lixo ou materiais sem uso, como pneus velhos, latas e móveis inutilizados;
  • Não jogue lixo ou entulho em terrenos baldios, ruas, avenidas e praças.