Prêmio Professor Escritor será entregue nesta quinta (14/12)

Prêmio Professor Escritor será entregue nesta quinta (14/12)

Evento de premiação será às 19h, na Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, no Jd. Sumarezinho; vencedor ganhará um carro zero quilômetro

 

Os vencedores do Prêmio Professor Escritor 2017, promovido pela APL (Academia Paulista de Letras), em parceira com a Prefeitura de Hortolândia e patrocinadores, serão conhecidos nesta quinta-feira (14/12). O evento acontecerá, às 19h, na Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, localizada na Rua Waldiva Fernandes Duarte da Silva, 59, no Jd. Sumarezinho. Além de autoridades e convidados, a cerimônia contará com a presença de representantes da APL. 

Concorrem ao prêmio os 21 profissionais da rede municipal de educação de Hortolândia inscritos no concurso. Os nomes dos três primeiros colocados será anunciado somente no momento da premiação. O primeiro ganhará um Kia Picanto zero quilometro; o segundo e o terceiro classificados, uma bolsa de estudos em curso de graduação ou pós-graduação na área da Educação. Os prêmios serão patrocinados pela revista Caras e pela Unimes (Universidade Metropolitana de Santos). Antes de serem avaliadas pelos imortais da Academia, as obras foram lidas e avaliadas previamente por uma comissão da Secretaria de Educação.

Durante a cerimônia, o Coral “Vozes que Cantam e Encantam” se apresentará juntamente com o grupo Vibrasax, da Escola de Música da Secretaria de Cultura, Esportes e Lazer. Além da entrega dos prêmios, haverá homenagem a todos os participantes, com a distribuição de certificado de participação.

Sobre o concurso

O concurso inédito tem como slogan “Hortolândia, Território do Saber”. O objetivo é estimular os hábitos de leitura e de escrita, além de descobrir novos talentos da literatura, entre os profissionais da rede municipal de Ensino. As inscrições para o prêmio foram realizadas até outubro. Após isso, a comissão da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia avaliou as obras segundo os critérios de criatividade, originalidade, estrutura, objetivo/conteúdo e linguagem própria do gênero.

As 21 obras inscritas passaram pelo crivo da comissão e foram encaminhadas à APL, que tem critérios próprios de avaliação. “A avaliação que fazemos do Prêmio Professor Escritor até agora é muito positiva, seja pelo ineditismo da iniciativa, seja pelo tempo de inscrição e redação das obras”, destaca o diretor de Inovação, Ciência e Tecnologia, Felipe Amaro dos Santos Neto. Segundo ele, conhecer os vencedores do Prêmio é uma surpresa reservada para a etapa final da premiação, inclusive para os gestores da Prefeitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.