Connect with us
Complicações em Cirurgia de Catarata Deixa Sete Pessoas Cegas em Macapá Complicações em Cirurgia de Catarata Deixa Sete Pessoas Cegas em Macapá

Notícias

Complicações em Cirurgia de Catarata Deixa Sete Pessoas Cegas em Macapá

Artigo

em

Um incidente perturbador ocorreu em Macapá, a capital do Amapá, onde sete pessoas perderam a visão após um agendamento coletivo para cirurgias de catarata.

O Incidente

No total, das 141 pessoas que passaram pelo procedimento, 104 apresentaram complicações de algum tipo suspeitas de serem causadas por um fungo, segundo a Secretaria de Saúde do estado (Sesa).

PUBLICIDADE

Investigação em Andamento

Os Ministérios Públicos Federal e Estadual estão atualmente investigando o caso. O mutirão de cirurgias foi realizado no dia 4 de setembro como parte do programa Mais Visão, que é financiado por emendas parlamentares e executado por uma empresa contratada através de um convênio entre o estado e o Centro de Promoção Humana Frei Daniel de Samarate (Capuchinhos).

Nota:
> Este fungo Fusarium é conhecido por causar endoftalmite, um tipo raro de infecção que ocorre quando microrganismos invadem a parte interna do olho, afetando tecidos, fluidos e estruturas.

PUBLICIDADE

Pacientes Afetados

Dos pacientes afetados, sete tiveram que passar por um procedimento chamado evisceração, onde o globo ocular é removido do crânio.

A Investigação

A Superintendência de Vigilância em Saúde (SVS) iniciou uma investigação para identificar a causa das infecções assim que foi notificada sobre o problema.

PUBLICIDADE

O Programa Mais Visão

O programa Mais Visão começou em 2020 no Amapá e, de acordo com os Capuchinhos, já realizou mais de 100.000 atendimentos, a maioria deles sendo cirurgias de catarata (50.000).

Como Funciona

A Secretaria de Estado da Saúde encaminha os recursos federais para a entidade (Capuchinhos), que então contrata uma empresa terceirizada para realizar os procedimentos nos pacientes.

PUBLICIDADE

Nota:
> O último repasse feito pelo convênio ocorreu em setembro.

Resposta do Estado

O Estado reconhece que o programa Mais Visão ajudou milhares de pessoas com casos de sucesso e muitos relatos de restauração total da visão. No entanto, após o incidente, os Capuchinhos pararam os atendimentos imediatamente após os primeiros relatos de infecção e, em 6 de outubro, o programa foi suspenso.

PUBLICIDADE

Suporte Às Famílias

O suporte às famílias afetadas pela empresa responsável pelos procedimentos também está sendo monitorado de perto pelo governo do Estado.

Serviços Oferecidos

Os pacientes estão recebendo atendimento médico 24 horas por dia, medicamentos, transporte, deslocamento para outros estados e atendimento psicológico.

PUBLICIDADE

Ação do Ministério Público

Na semana passada, o Ministério Público do Amapá ouviu representantes de órgãos envolvidos no que está sendo referido como ‘incidente’ no Programa Mais Visão.

Participantes da Audiência

Estavam presentes na audiência o Governador do Amapá, Clécio Luis, a Secretária de Saúde, Silvana Vedovelli, o Procurador-Geral do Estado, Tiago Albuquerque, e a Superintendente de Vigilância em Saúde, Ana Cláudia Monteiro.

PUBLICIDADE

Conclusão

Link: Entenda as principais causas da cegueira e saiba como prevenir

É crucial ficar atento às principais causas de cegueira e aprender como preveni-las. Este incidente em Macapá é um lembrete de que não devemos negligenciar nossa saúde ocular e sempre procurar um atendimento médico de qualidade.

PUBLICIDADE

Para informações adicionais, acesse o site

‘Este conteúdo foi gerado automaticamente a partir do conteúdo original. Devido às nuances da tradução automática, podem existir pequenas diferenças’.
PUBLICIDADE

Jornalista e editora do NHTV, um espaço onde trago as principais notícias do Brasil e do mundo. Minha paixão pelo jornalismo me motivou a criar este site, com o objetivo de oferecer informações precisas e imparciais sobre uma variedade de tópicos. Acredito no poder do jornalismo para informar, inspirar e capacitar as pessoas a compreenderem melhor nosso mundo em constante mudança. Agradeço por nos acompanhar e estou aqui para fornecer notícias confiáveis e relevantes.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE