Connect with us
Especialização à Distância em Economia Solidária - Uma Inovação no Brasil Especialização à Distância em Economia Solidária - Uma Inovação no Brasil

Notícias

Especialização à Distância em Economia Solidária – Uma Inovação no Brasil

Artigo

em

Introdução

Uma parceria inovadora surgiu no Brasil, envolvendo três importantes instituições: O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), o Conservatoire National des Arts et Métiers (Cnam, França) e a Universidade Federal do Cariri (UFCA). Essa colaboração internacional resultou na criação da primeira especialização à distância do Brasil em Economia Solidária, Inovação e Gestão Social (EESIGS).

Financiamento e Objetivos

Com um financiamento de R$ 1,6 milhão da Secretaria de Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento Social, o curso EESIGS tem como objetivo preencher a lacuna existente na formação de pós-graduação em economia solidária. Ele apresentará ferramentas de gestão e organização dos empreendimentos de economia solidária, fundamentadas em uma lógica e racionalidade próprias.

PUBLICIDADE

Contexto e Importância

A necessidade de tal curso é impulsionada pelo contexto de retomada das políticas públicas nacionais de economia solidária no Brasil, com a volta do Governo Lula. Tais políticas avançam significativamente através de projetos e experiências de economia solidária, englobando ações voltadas às finanças solidárias, produção associativa, agricultura familiar e associações de moradores.

Articulação Nacional e Internacional

A especialização é fruto de uma articulação nacional e internacional entre professores, pesquisadores e especialistas. A metodologia adotada abrange a apresentação de ferramentas de gestão para empreendimentos de economia solidária, conteúdos elaborados e aulas com conhecimentos científicos e saberes oriundos da experiência e da prática.

PUBLICIDADE

Ineditismo e Futuro

O curso inédito também servirá como piloto no Brasil para a realização de outras especializações e para a proposta de um mestrado profissional internacional em economia solidária, inovação social e gestão social.

Coordenação e Parcerias

A coordenação pedagógica e científica é da LIEGS/UFCA, enquanto a coordenação interinstitucional é do Cnam. Ao todo, serão oferecidas 180 vagas que beneficiarão estudantes de todo o Brasil.

PUBLICIDADE

Além dos pesquisadores da UFCA e do Cnam, profissionais de outras instituições também participarão da pós-graduação, incluindo a Universidade Federal da Bahia (UFBA), Federal do Tocantins (UFT), Centro Universitário Alves Faria (UNIALFA), Escola de Políticas Públicas e Cidadania Ativa (EPUCA), Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS), Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM) e Federal do Oeste do Pará (UFOPA).

Cronograma

O processo seletivo para o curso será aberto no próximo mês de dezembro, com o início das aulas previsto para fevereiro ou março de 2024.

PUBLICIDADE

Conclusão

A criação dessa especialização à distância em Economia Solidária, Inovação e Gestão Social é um marco para a educação no Brasil, demonstrando o potencial de cooperação internacional para o desenvolvimento de cursos de pós-graduação inovadores e de alta qualidade.

Nota: Este artigo foi escrito com base em informações fornecidas pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, Cnam e UFCA.

PUBLICIDADE

Para informações adicionais, acesse o site

‘Este conteúdo foi gerado automaticamente a partir do conteúdo original. Devido às nuances da tradução automática, podem existir pequenas diferenças’.
PUBLICIDADE

Jornalista e editora do NHTV, um espaço onde trago as principais notícias do Brasil e do mundo. Minha paixão pelo jornalismo me motivou a criar este site, com o objetivo de oferecer informações precisas e imparciais sobre uma variedade de tópicos. Acredito no poder do jornalismo para informar, inspirar e capacitar as pessoas a compreenderem melhor nosso mundo em constante mudança. Agradeço por nos acompanhar e estou aqui para fornecer notícias confiáveis e relevantes.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE