Connect with us
Urgência na Segurança da Ponte do Fandango - Recomendações do MPF Urgência na Segurança da Ponte do Fandango - Recomendações do MPF

Notícias

Urgência na Segurança da Ponte do Fandango – Recomendações do MPF

Artigo

em

O Ministério Público Federal (MPF) emitiu uma série de medidas para assegurar a segurança na Ponte do Fandango, situada na BR-153, em Cachoeira do Sul (RS). A estrutura precária da ponte tornou-se ainda mais preocupante após as enchentes severas que atingiram a região recentemente.

Situação da Ponte do Fandango

A Ponte do Fandango é a única via de acesso terrestre ao município pelo sul, pelas rodovias BR-290 e BR-153. A situação crítica da estrutura levou o MPF a solicitar uma inspeção urgente para verificar se as enchentes recentes agravaram ainda mais os danos já existentes.

PUBLICIDADE

Medidas Recomendadas pelo MPF

O MPF, representado pelo procurador da República Celso Tres, emitiu diversas recomendações ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). As propostas incluem:

1. Inspeção urgente da estrutura da ponte.
2. Fiscalização ininterrupta do tráfego na ponte.
3. Cumprimento da decisão judicial de 2011 para a inclusão de um posto de pesagem no projeto de reforma da ponte.
4. Manutenção adequada dos pontos de iluminação da ponte.

PUBLICIDADE

Falta de Soluções Efetivas

Apesar da decisão judicial proferida em 2011, ainda não foram implementadas soluções efetivas para os problemas apresentados. Mesmo após uma reforma realizada em 2018 e 2019, a ponte foi novamente interditada em 2021. Desde então, apenas soluções paliativas foram apresentadas, como o sistema pare/siga e vigilância 24h pela Prefeitura de Cachoeira do Sul.

Controle de Peso dos Veículos

Uma das principais preocupações é o controle de peso dos veículos que passam pela ponte. Atualmente, este controle é feito através da observação dos modelos de veículos e utilização de estruturas limitadoras de altura. No entanto, esta medida não garante um controle efetivo, e houve relatos de ausência da fiscalização em vários dias.

PUBLICIDADE

Risco de Tragédia

O risco de uma tragédia se agravou este ano devido às recentes enchentes que devastaram várias cidades do Rio Grande do Sul, causando o desmoronamento de um trecho da BR-153 em Cachoeira do Sul, muito próximo à Ponte do Fandango.

> “O controle da passagem dos veículos mediante pesagem é medida fundamental à garantia da segurança e, principalmente, da vida de milhares de pessoas que passam pela Ponte do Fandango diariamente”, ressalta o procurador da República Celso Tres.

PUBLICIDADE

Ação do Dnit

Desde junho de 2023, o Dnit divide a fiscalização da ponte com a Prefeitura de Cachoeira do Sul, assumindo a responsabilidade nos períodos noturnos, fins de semana e feriados. No entanto, mesmo com a ação do Dnit, a situação permanece crítica.

Conclusão

A situação atual da Ponte do Fandango é crítica e requer ação imediata para garantir a segurança dos cidadãos que dependem desta via diariamente. As recomendações do MPF para a inspeção, fiscalização e reforma da ponte são passos essenciais para prevenir uma tragédia.

PUBLICIDADE

Para mais informações, entre em contato com:

Assessoria de Comunicação Social
Ministério Público Federal no Rio Grande do Sul
Telefone MPF: (51) 3284-7200
Telefones ASCOM: (51) 3284-7200 / 98423 9146
Site: www.mpf.mp.br/rs
E-mail: [email protected]
Twitter:

Jornalista e editora do NHTV, um espaço onde trago as principais notícias do Brasil e do mundo. Minha paixão pelo jornalismo me motivou a criar este site, com o objetivo de oferecer informações precisas e imparciais sobre uma variedade de tópicos. Acredito no poder do jornalismo para informar, inspirar e capacitar as pessoas a compreenderem melhor nosso mundo em constante mudança. Agradeço por nos acompanhar e estou aqui para fornecer notícias confiáveis e relevantes.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE