Homem armado que matou 4 na Catedral era de Valinhos e não tinha passagem pela polícia

O homem armado que entrou na Catedral de Campinas e matou 4 pessoas, além de deixar outras 4 feridas, e cometer suicídio, era aparentemente um cidadão de bem. A carteira de motorista dele era de Valinhos, indicando que ele era morador da cidade. É necessário comprovante de endereço para tirar a carteira de habilitação.

(foto facebook)

Segundo a Polícia Civil, num primeiro momento, não consta passagem pela polícia. Ele era analista de sistema e, segundo sua página no Facebook, ele estudo no Colégio Técnico de Campinas.

Ele também teria sido aprovado no concurso de auxiliar de promotoria do Ministério Público de São Paulo eteria sido transferido para Comarca de Carapicuíba, região metropolitana de São Paulo, até pedir exoneração do cargo em 3 de julho de 2014.